O fim de ano pode ter muito sabor sem que ninguém ganhe uns quilinhos de presente. A nutricionista Gabriela Kapim, que comanda o programa "Socorro! Meu filho come mal", no GNT, explica que o problema dessa época do ano não são as ceias em si, mas o tamanho das porções. "O problema maior das ceias de fim de ano é a quantidade! Temos opções saudáveis à mesa, mas se come muito além do que se precisa! E aí não tem jeito: por mais saudável que seja um alimento, se for consumido em grande quantidade, vai se ganhar peso", afirma ela, referindo-se à carne branca do peru de Natal e às nozes e castanhas, sua perdição nas festas. "Amo o ritual de quebrar as nozes e as castanhas, por isso, essas, eu acabo comendo mais do que preciso!"

Nas ceias em que o presunto ou o pernil são o prato principal, Gabriela Kapim sugere que o cardápio de acompanhamentos seja rico em vegetais: "Se o pernil e o presunto forem irresistíveis, o ideal é comer uma pequena quantidade e abusar das saladas! Assim você garante uma boa quantidade de fibras que vão auxiliar na digestão desses alimentos."

De sobremesa, a dica da nutricionista é uma refrescante e colorida salada de frutas. Para quem gosta de rabanada, a orientação de Gabriela Kapim é seguir a receita da família, mas deixar a frigideira guardada. "A rabanada, por exemplo, pode ser feita no forno em vez de frita. Fica a!"

Veja abaixo receitas de acompanhamentos saudáveis para as festas de Natal e Réveillon:

Mousse de pepino

Ingredientes:

250g ou 3 unidades de pepino japonês

500g ou 3 potes de iogurte integral

Hortelã a gosto

1 unidade de limão (suco)

1 dente de alho

1 sachê ou 1 colher (de sopa) de gelatina incolor

Sal e pimenta a gosto

3 colheres (de sopa) de gergelim tostado

Modo de preparo:

Bata no liquidificador o pepino, o iogurte, o suco de limão, o alho, o sal e a pimenta. Assim que ficar homogênea a mistura, acrescentar a gelatina previamente hidratada e misturar delicadamente. Em uma f, forrar o fundo da mesma com o gergelim tostado e acrescentar a mistura delicadamente, para que o gergelim continue ao fundo. Reservar a mistura na geladeira por pelo menos três horas. Sirva com torradas, como petisco, ou acompanhado de salada verde.

Arroz de bris

Ingredientes:

1 xícara de arroz

½ maço de bris (inteiro)

4 dentes de alho

Um fio de azeite

2 a 3 xícaras de água fria

Sal a gosto

Modo de Preparo:

Retire as folhas e os talos do bris. Processe no mixer. Corte as flores do bris e deixe-as bem pequenas. Refogue com um fio de azeite o alho e o bris processado. Junte o arroz, mexa até ele começar a soltar do fundo. Acrescente a água fria. Cozinhe em fogo médio a baixo por aproximadamente 15 a 20 minutos. Quando o arroz estiver cozido, junte o bris já cortadinho, tampe a panela e desligue o fogo.

Sugestão: Caso queira o arroz mais verde, pegue uma parte da folha do bris e processe com água no mixer. Coe este suco e use no cozimento do arroz.

Farofa de couve-flor

Ingredientes:

1 maço de couve-flor

3 dentes de alho em cubinhos

1 cebola pequena em cubinhos

Azeite

Modo de preparo:

Processe a couve-flor no mixer ou na batedeira de forma a obter flocos pequenos, como se fosse uma farofa. Em assadeira untada com azeite, espalhe bem a couve-flor triturada. Leve ao forno por 40 minutos a 160-180ºC. Mexa a couve-flor somente depois dos 20 primeiros minutos e a cada cinco minutos, de forma que a mesma se desidrate e asse por igual. Quando a couve-flor estiver com coloração mais escura e mais seca, retire do forno. Frite com um fio de azeite a cebola e o alho. Acrescente a farofa de couve-flor e desligue.

Nota: Não refogue a farofa por mais de dois minutos para não perder a aparência de farofa.

Salada de frutas

Ingredientes:

3 bananas

1/2 mamão formosa

3 maçãs

1 cacho de uva sem caroço

1/2 abacaxi

3 laranjas-seletas

Modo de preparo:

Descasque e pique todas as frutas bem pequenininhas, menos a laranja. Faça um suco com as laranjas. Misture todas as frutas e despeje o suco da laranja por cima da salada. Sirva gelada.