Ela conseguiu levar o tema alimentação saudável para todas as mídias: além de dar entrevistas para jornais e revistas, está na TV e nas redes sociais, publicou um livro (“Bela Cozinha – As receitas”, editora Globo Estilo),  tem um blog e há alguns meses leva sua mensagem pelas ondas do rádio. Todas as quartas-feiras, às 8h20m, Bela Gil fala sobre nutrição infantil no programa “Bela infância”, que vai ao ar pela Rádio Globo - e em breve também pela CBN -, patrocinado pela Amil. Nessa entrevista, ela fala sobre como foi surpreendida pelo alcance do veículo e dá dicas de educação alimentar.

 Obesidade Infantil Não: Qual a importância da inclusão do tema alimentação saudável em tantas frentes?

Bela Gil: Eu acredito na mudança individual, ambiental e social através da alimentação. Quero mostrar para as pessoas que, comendo bem, vivemos melhor. Não quero comer bem só para viver mais tempo e, sim, para viver melhor, sem dores, sem doenças, sem perturbações… Com a mídia consigo levar saúde para um grande número de pessoas.

OIN: Como você prepara os programas de rádio especificamente? O que pauta o “Bela Infância”?

Bela: O “Bela Infância” é um programa voltado para pais, avós ou responsáveis que cuidam e preparam as refeições diárias das crianças.  Tento mostrar que obter uma boa alimentação na infância ajuda a prevenir muitos males na idade adulta. Muitos pais pensam e sonham em dar uma alimentação saudável para o filho, mas não sabem por onde começar. O “Bela Infância” traz informação e dicas para uma alimentação de qualidade que casem bem com o dia a dia da família moderna.

OIN: Você consegue interagir com os ouvintes? Que tipo de retorno eles dão? É diferente de seus outros públicos?

Bela: Eu nunca havia feito rádio antes e estou adorando. Outro dia estava no casamento da minha irmã e a sogra dela veio falar comigo: “Te escuto todas as quartas de manhã, suas dicas são ótimas e estou colocando em prática com o meu sobrinho”. Acho que o público tanto do rádio como da TV se sente muito próximo de mim, pois muitas pessoas dizem parecer nos programas que estão na minha casa conversando comigo. 

OIN: Seu trabalho é um convite ao ato de cozinhar, um resgate de uma tradição na sociedade urbana contemporânea. Recentemente, você expressou este posicionamento diante da repercussão do lanche da sua filha. Como reverter este descolamento entre uma sociedade que come cada vez mais e cozinha cada vez menos? 

Bela: De fato, as pessoas estão cozinhando cada vez menos e comendo cada vez mais. Por isso, quero que elas entendam e saibam o que estão comendo. Não é legal viver na ignorância, sem saber o que se come ou de onde vem a comida. Com esse tipo de conhecimento, nos conscientizamos e somos capazes de fazer escolhas alimentares que afetem o mínimo possível o próximo e a natureza. Ter crianças crescendo com essa consciência é superimportante. Para isso, acho legal inserir as crianças no universo alimentar, levando-as à feira, pedindo que cortem e lavem os alimentos ou façam a lista de ingredientes.

 

Ainda não conhece o programa? Clique aqui e ouça:  http://radioglobo.globoradio.globo.com/especiais/bela-infancia/BELA-INFANCIA.htm.

 

Receitas

 Suco verde
1⁄2 copo de agrião picado (com os talos)
1⁄2 maçã cortada em cubos
1 colher (chá) de mel
1 copo de água gelada
1⁄2 limão sem casca

Modo de preparo
1. Bata os ingredientes no liquidificador e sirva. 

Rendimento: 2 copos
Tempo de preparo: 5 minutos

Canja de galinha caipira
1⁄4 do frango inteiro com a pele (se for caipira) ou sem pele (se não for caipira)
2 dentes de alho
1 limão
1⁄4 cebola picada grosseiramente
3 cenouras cortadas em rodelas
2 talos de aipo cortados na diagonal
2 colheres (sopa) de salsinha picada
1 xícara de arroz integral
2 litros de água
sal marinho

Modo de preparo

  1. Tempere o frango com sal, alho e limão.
  2. Coloque a galinha na panela e adicione a água, a cenoura, o aipo e o sal. Tampe.
  3. Quando ferver, abaixe o fogo. Se o frango for caipira, cozinhe por uma hora. Acrescente o arroz e deixe cozinhar por mais 30 minutos. Se o frango não for caipira, o tempo total de cozimento é de 40 minutos e o arroz deve ser colocado junto com a galinha e a água.
  4. Desligue e deixe descansar para apurar o sabor antes de servir.

Obs.: Se preferir, desfie o frango e jogue os pedaços na panela ou sirva as peças inteiras. Antes de servir, acrescente a salsinha. 

Rendimento: 4 porções
Tempo total de preparo: Aproximadamente 1 hora e 40 minutos