Seu filho e/ou filha está em fase de crescimento e apareceu aquela barriguinha? “Provavelmente, não é culpa dos hormônios”. É o que explica a pediatra Isabel Rey Madeira, presidente da Sociedade de Pediatria do Estado do Rio de Janeiro (Soperj). 

 

Pais e responsáveis, fiquem atentos: a causa mais frequente para o ganho de peso excessivo na transição da infância para a adolescência é o resultado de comer além do necessário e a falta de atividade física. De acordo com a pediatra Isabel Madeira, raramente a responsável é alguma doença hormonal. Adverte ainda: “Se há ganho demais de peso, dificilmente a alimentação está adequada. Porém, se a dieta está balanceada e há o sobrepeso, o motivo mais comum é o sedentarismo”.